Como funciona a permuta de imóveis?

Quando se coloca um imóvel à venda, vários pontos merecem uma atenção específica. É um processo que exige cuidado, atenção e paciência. Ao procurar um novo lugar para morar, a permuta de imóveis é uma opção que não deve ser descartada. Saiba como funciona e os cuidados que devem ser tomados para que você não ganhe uma dor de cabeça.

A permuta é uma modalidade que pode ser aplicada a qualquer tipo de imóvel, seja ele casa, apartamento e até terrenos. Essa prática não exige o pagamento em dinheiro, mas através de bens equivalentes. Ainda que seja possível finalizar a troca sem o pagamento, algumas situações podem envolver o pagamento de alguma quantia, caso o bem a ser trocado tenha um valor inferior ao pedido no imóvel.

As vendas são adaptadas de acordo com os interessados. Caso uma determinada pessoa tenha um terreno e a outra pessoa tem interesse para a construção de casas ou prédios, o pagamento pode ser realizado através de unidades a serem construídas no próprio terreno ou por unidades prontas em outro local, por exemplo. Existe uma outra possibilidade de que o pagamento seja realizado com o bem e mais quantia em dinheiro. Tal quantia recebe o nome de torna.

Na questão sobre elaboração dos contratos deve-se atentar que no caso de permutas, o contrato deverá ser feito por escritura pública e também deverá constar de forma clara, a data da entrega dos bens e a responsabilidade pelos tributos. A escritura demanda um custo entre 4% e 6% do valor total do bem.

Dentre as vantagens da permuta, a isenção do tributo de Imposto de Renda é uma delas. O que acontece é que a Receita Federal enxerga o imóvel como o mesmo declarado pelo antigo dono, tornando desnecessário o pagamento do tributo. Nos casos de torna, quando o cliente complementa a verba, o Imposto deverá ser pago por quem recebeu o valor proporcional. Outra vantagem é a isenção de parcelas, financiamentos e burocracia de forma geral.

No caso da intermediação ocorrer por imobiliária, os honorários serão devidos sobre o valor global da operação, considerando o valor total dos imóveis permutados, mais a torna.

A permuta de imóveis, com certeza, é uma modalidade que merece a atenção dos proprietários de imóveis e uma conversa com o seu corretor. Se ainda tem dúvidas, entre em contato conosco!

Deixe uma resposta